TEMA: As dificuldades na inclusão da mulher no esporte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

TEMA: As dificuldades na inclusão da mulher no esporte

Mensagem por Ediane em Sab Abr 09, 2016 11:12 pm

Do verbo incluir - do latim incluidere- inclusão significa fazer parte de, unir - se a, e inserir. A inserção da mulher no esporte é histórica, a prática de atividades físicas sempre foi contemplada pelos humanos de ambos os sexos, mas desde a Grécia Antiga o ser masculino era mais valorizado pelo porte físico e psicológico, enquanto as mulheres eram consideradas o sexo frágil. Hoje, mesmo com uma maior facilidade de serem inclusas nos Esportes, ainda sofrem com o machismo como forma de preconceito, além das dificuldades de se encontrar patrocinadores.
 O problema surge quando deixam de brincar e passam a falar em tons de críticas. Como ocorreu com os comentaristas de um jogo de futebol na Inglaterra em que censuravam uma mulher que iria "bandeirar" a partida, sem saberem estavam sendo ouvidos por todos do estádio, cenas como essas ocorrem todos os dias não só no futebol, como também em vários outros esportes em que se tem a presença feminino. Por conta de pensamentos machistas, só no final do século XIX e início do século XX que houve a inclusão delas nas competições esportivas, como os Jogos Olímpicos.
 É importante ressaltar, ainda, a sua desvalorização nas práticas desportivas em relação ao homem. As grandes empresas preferem investir apenas nos esportes masculinos ao invés de darem oportunidades a elas também. Por conta da maior visibilidade que eles possui na mídia com propagandas em relação a mulher. O próprio governo faz distinção entre os dois sexos , enquanto ele patrocina com total apoio e conforto a seleção canarinho, as mulheres treinam com o dinheiro que sobra.
 Fica claro, portanto, que mesmo as mulheres no atual mundo, não tenham dificuldades para se inserir nos esportes, existem os empecilhos que as dificultam em se manter nela. Dessa maneira o governo, deve fazer campanhas através da mídia contra o preconceito e machismo da mulher, e a longo prazo as escolas e universidades trabalharem com os alunos e universitários sobre esse assunto para que cresçam conscientes. Além de patrocinar de forma igualitária o esporte feminino, de forma que aumente o interesse delas pelo mesmo, com o objetivo de alcançar maiores resultados ao longo do tempo, como maior números de medalhas de ouro e prata nas olimpíadas. Pois ao contrário do que se pensava na Grécia Antiga, elas não são sexo frágil.

Ediane
Aprendiz
Aprendiz

Mensagens : 16
Pontos : 46
Data de inscrição : 20/03/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum