TEMA : Os impactos do programa Mais Médicos na saúde brasileira

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

TEMA : Os impactos do programa Mais Médicos na saúde brasileira

Mensagem por Ronaldo Nascimento em Qui Mar 24, 2016 4:38 pm

Visando melhorar as condições de saúde no Brasil, foi criado o programa Mais Médicos. Este, apesar de ter contribuído para uma melhoria no sistema de saúde brasileiro, teve sua capacidade de melhora limitada. Após alguns anos de sua implantação, o programa ainda sofre críticas.

Existem aqueles que criticam a iniciativa pelo fato do número de desempregados que existem no país, e de acordo com estes, trazer novos profissionais para o país seria uma forma de aumentar a concorrência no mercado. Há quem diga também, que é necessário o investimento do governo em qualificação profissional dentro do Brasil, ou seja, querem que se formem médicos dentro do país, o que é algo realmente necessário.

Entretanto, o projeto tem se mostrado eficiente em alguns aspectos. O fato de existirem poucos médicos em áreas interioranas do país faz com que as cidades menos desenvolvidas dependam dos imigrantes. Assim, locais que não são do interesse da maioria dos indivíduos, formados Brasileiros, acabam sendo o foco para onde são enviados os participantes do programa.

Apesar de tantas controvérsias, o programa Mais Médicos teve, de certa forma, uma limitação no que se dizia a respeito do seu potencial para promover uma melhor saúde nas mais diversas áreas do Brasil. O fato do país não ter uma estrutura hospitalar consideravelmente boa fez com que os médicos não pudessem atender à todas as demandas dos locais que lhes foram designados, precisando muitas das vezes solicitar que o paciente fosse até uma cidade próxima que oferece um suporte mais adequado.

Sendo assim, o projeto é realmente algo que contribuiu para um aumento na qualidade de saúde pública no país. Faz se necessário que exista um investimento do governo não apenas na trazida desses profissionais para as regiões, mas que também exista uma preocupação maior em proporcionar uma estrutura para que seja possível a execução de sua função pelo cidadão estrangeiro. Além de que, o investimento em educação deve ser sempre priorizado a fim de poder formar, futuramente, cada vez mais indivíduos para o mercado de trabalho.
avatar
Ronaldo Nascimento
Aprendiz
Aprendiz

Mensagens : 4
Pontos : 10
Data de inscrição : 26/02/2016
Idade : 19
Localização : My house

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TEMA : Os impactos do programa Mais Médicos na saúde brasileira

Mensagem por Francis Bacon em Seg Mar 28, 2016 5:59 am

Visando melhorar as condições de saúde no Brasil, foi criado o programa Mais Médicos. Este, apesar de ter contribuído para uma melhoria no sistema de saúde brasileiro, teve sua capacidade de melhora limitada. Após alguns anos de sua implantação, o programa ainda sofre críticas.

Existem aqueles que criticam a iniciativa pelo fato do número de desempregados que existem no país, e de acordo com estes, trazer novos profissionais para o país seria uma forma de aumentar a concorrência no mercado. Há quem diga também, que é necessário o investimento do governo em qualificação profissional dentro do Brasil, ou seja, querem que se formem médicos dentro do país, o que é algo realmente necessário.

Entretanto, o projeto tem se mostrado eficiente em alguns aspectos. O fato de existirem poucos médicos em áreas interioranas do país faz com que as cidades menos desenvolvidas dependam dos imigrantes. Assim, locais que não são do interesse da maioria dos indivíduos, formados brasileiros, acabam sendo o foco para onde são enviados os participantes do programa.

Apesar de tantas controvérsias, o programa Mais Médicos teve, de certa forma, uma limitação no que se dizia a respeito do seu potencial para promover uma melhor saúde nas mais diversas áreas do Brasil. O fato do país não ter uma estrutura hospitalar consideravelmente boa fez com que os médicos não pudessem atender a todas as demandas dos locais que lhes foram designados, precisando muitas das vezes solicitar que o paciente fosse até uma cidade próxima que oferece um suporte mais adequado.[argumento repetido do texto de apoio]

Sendo assim, o projeto é realmente algo que contribuiu para um aumento na qualidade de saúde pública no país. Faz se necessário que exista um investimento do governo não apenas na trazida importação desses profissionais para as regiões[quais?], mas que também exista uma preocupação maior em proporcionar uma estrutura para que seja possível a execução de sua função pelo cidadão estrangeiro. Além de que, o investimento em educação deve ser sempre priorizado a fim de poder formar, futuramente, cada vez mais indivíduos para o mercado de trabalho.

Considerações finais: []

  • Geral:
  • Introdução:
  • Desenvolvimento:
  • Conclusão:

Nota:
I160O participante demonstra bom domínio da norma padrão, apresentando poucos desvios gramaticais leves e de convenções da escrita. Assim, o mesmo desvio não ocorre em várias partes do texto, o que revela que as exigências da norma padrão foram incorporadas aos seus hábitos linguísticos e os desvios foram eventuais. Desvios mais graves, como a ausência de concordância verbal ou nominal, não impedem que a redação receba essa pontuação, desde que não se repitam regularmente no texto. Assim, o participante que realizar poucos desvios leves ou pouquíssimos desvios graves pode receber essa pontuação.
II160O participante desenvolve bem o tema, mas não explora os seus aspectos principais. Desenvolve uma argumentação consistente e apresenta bom domínio do tipo textual dissertativo-argumentativo, mas não apresenta argumentos bem desenvolvidos. Os argumentos defendidos não ficam restritos à reprodução das ideias contidas nos textos motivadores nem a questões do senso comum.
III160O participante seleciona, organiza e relaciona informações, fatos, opiniões e argumentos pertinentes ao tema proposto de forma consistente, em defesa de seu ponto de vista. Explicita a tese, seleciona argumentos que possam comprová-la e elabora conclusão ou proposta que mantenha coerência com a opinião defendida na redação. Entretanto, os argumentos utilizados são previsíveis. Não há cópia de argumentos dos textos motivadores.
IV200O participante articula as partes do texto, sem inadequações na utilização dos recursos coesivos. A redação enquadrada neste nível não poderá conter: frases fragmentadas que comprometam a estrutura lógico-gramatical; sequência justaposta de ideias sem encaixamentos sintáticos; ausência de paragrafação; frase com apenas oração subordinada, sem oração principal. Poderá, porém, conter eventuais desvios de menor gravidade: emprego equivocado do conector; emprego do pronome relativo sem a preposição, quando obrigatória; repetição ou substituição inadequada de palavras sem se valer dos recursos oferecidos pela língua. Entretanto, o mesmo erro não poderá se repetir, uma vez que essa pontuação deve ser atribuída ao participante que demonstrar pleno domínio dos recursos coesivos.
V160O participante elabora proposta de intervenção clara, relacionada à tese e bem articulada com a discussão desenvolvida no texto. São explicitados os meios para realizá-la.
avatar
Francis Bacon
Corretor
Corretor

Mensagens : 734
Pontos : 870
Data de inscrição : 13/02/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum